Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Anjinho-Diabinho-Papudo

Um espaço para entreter, reflectir e sentir

Um espaço para entreter, reflectir e sentir

Anjinho-Diabinho-Papudo

21
Jun10

Pastel de Nata - bolo favorito, aposta certa - já era tempo!

anjinho-diabinho-papudo

Para além de ser o meu bolinho preferido, uma verdadeira iguaria, é feita em Portugal, e dá-me finalmente grande gozo em ler esta noticias, com a qual até podemos dar umas liçoes ás crises!

 

A cafetaria-restaurante do pavilhão de Portugal na Expo 2010 vende diariamente mais de 2000 pastéis de nata, confirmando aquele doce como um dos ex-líbris da gastronomia portuguesa na China.

“O pão de ló também sai bem, mas não se compara ao pastel de nata. Desde a abertura da Expo (dia 01 de maio) já vendemos mais de 25 000”, disse hoje à agência Lusa o chefe do restaurante, Bruno Magro.

Cada pastel custa 5 yuan (60 cêntimos).

Introduzido no continente chinês há cerca de uma década, o pastel de nata (“pu shi dan ta”, expressão que significa, literalmente, “tarte de ovo de estilo português”) é também uma das especialidades da “Júlia Food Co”, a empresa de Xangai concessionária da cafetaria-restaurante do pavilhão português.

A Júlia Food Co tem mais de 30 lojas em Xangai, com cozinheiros de Macau, mas para a Expo 2010 contratou o “chefe” Bruno Magro, que trabalhava num dos raros restaurantes de cozinha portuguesa em Pequim.

É a maior exposição universal de sempre, com cerca de 240 países e organizações internacionais, e espera atrair 70 milhões de visitantes.

“O movimento tem sido bom desde o primeiro dia”, diz Bruno Magro.

A cafetaria-restaurante serve também caldo verde, bifanas, moelas, frango e outros pratos típicos, alem de bicas, cerveja e vinho.

“Os vinhos estão igualmente a sair bastante bem e algumas pessoas até compram para levar para casa”, referiu ainda Bruno Magro.

A Expo 2010, dedicada ao tema “Better City, Better Life” (Melhores Cidades, Maior Qualidade de Vida), decorre de 01 de maio a 31 de outubro numa área de 528 hectares (dez vezes a Expo 98, em Lisboa) ao longo das duas margens do rio que atravessa Xangai.

O pavilhão de Portugal, situado à entrada de Praça Europa, é um edifício de 2000 metros quadrados, revestido de cortiça, que evidencia os 500 anos de relações com a China e a atual aposta portuguesa nas energias renováveis.

Mais de cem mil pessoas visitaram o pavilhão durante a primeira semana do certame, correspondendo a cerca de 10 por cento da afluência global.

 

   

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Blogs Recomendados

Anjinho Diabinho Papudo na Net

Sites a Visitar

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D